Sunday, 23 April 2017

A desenhar no Castro do Zambujal em Torres Vedras

A chegada
No topo do Castro, a paisagem circundante


No Dia Internacional dos Monumentos e dos Sítios, fui desenhar no Castro do Zambujal, a convite do Grupo de Desenho de Rua de Torres Vedras.


A entrada do antigo povoado


Já escolheram o local para desenhar


Estes já desenham, absortos na paisagem e no desenho


Hoje o André foi "apanhado" a desenhar.


Um dos meus desenhos.


Ambas as aguarelas são em Papel Arches 300gr, grão fino

Monday, 20 March 2017

A Primavera chegou


A Primavera chegou à Fábrica da Pólvora de Vale de Milhaços numa tarde organizada em colaboração com L1B - Associação Cultural



Fomos muito bem recebidos pela Carla Costa do Ecomuseu do Seixal e visitámos a fábrica acompanhados pelo guia Sr.Francisco - antigo empregado -, que nos explicou e mostrou como se fabricava a pólvora. Esta Fábrica da Pólvora como património industrial, tem de único em relação a outros museus com o mesmo cariz, o facto de ter as máquinas a funcionar para as visitas guiadas. 

Tipografia Popular  colaborou oferecendo postais, em papel de aguarela para podermos desenhar e enviar. Os meus já seguiram hoje no correio.



Depois da visita, percorremos os terrenos da fábrica, sempre acompanahdos pelo Sr. Francisco e agora também pela Manuela Rolão, da L1B, passando pelas hortas que os empregados cultivavam, pelas árvores de frutos, observando toda a flora que começava a despontar. Só depois nos sentámos, em amenas conversas e trocas de conhecimentos, desenhando, aguarelando, e guardando as flores que recolheramos.





Tuesday, 20 December 2016

Encontro de Natal - Desenhar em Família

Foi no domingo, no passado dia 18 deste mês, que fui desenhar a Torres Vedras, a convite do André Duarte Baptista e do grupo CCC SketchCrawl Torres Vedras. Desenhar em família, porque muitos já nos conhecemos desde a formação do grupo, e  os que chegam de novo são sempre bem recebidos. E, com o verdadeiro espírito de Natal, fez-se também uma troca de desenhos, "amigo secreto", e partilhou-se um lanche. 


Manhã de Outono. 


O Encontro foi no Museu Leonel Trindade, com visita guiada à Exposição "As Histórias do Zambujal: 50 anos do Instituto Arqueológico Alemão em Torres Vedras". 
Como a exposição era sobre uma temática que desde sempre me fascinou, preenchi o caderno, que levara com essa finalidade, com desenhos e registos da mesma, deixando os Claustros do Convento da Graça para uma próxima visita.


                                      






Thursday, 17 November 2016

Marionetas no Museu

Ao percorrer o Museu das Marionetas, podemos verificar, através dos diversos objectos expostos, que a manipulação das marionetas pode ser executada de várias formas. Também as marionetas podem ser espectáculos simples com apenas uma pessoa e duas marionetas (chamávamos-lhes fantoches, quando os víamos no Verão pelas praias), ou mais complexos com música e dança, aproximando-se das performances. Mas em casa, com um boneco, qualquer um de nós pode imaginar e criar uma história.    




Saturday, 5 November 2016

Em busca das memórias da minha infância

Fui ao Coliseu dos Recreios em Lisboa, desenhar com os Urban Sketchers, não porque seja o tipo de desenho que mais gosto, mas à procura das memórias da minha infância. E não só. Também assisti a muitos concertos memoráveis. Entre eles o inesquecível espectáculo de despedida do Zeca Afonso. Ainda hoje me recordo de todas as emoções sentidas. E outros concertos extraordinários, embora não tão emotivos.

Quando era pequena ia, com os meus pais e irmãos, ao Circo, e ficávamos sempre num dos camarotes de 1ª ordem. Na memória pensava que era o 2º à direita da presidência, a minha irmã Margarida ( dois anos menos que eu) diz que era ao lado. Gostava muito das trapezistas, e havia mesmo alguns números  sem rede. O perigo espreitava, mas alguma pergunta, mais perto da realidade, era adoçada pelas palavras confortantes dos pais. Lembro-me de um espectáculo mesmo na cúpula que me ficou na memória: um homem, subia por uma corda, e havia uma roda gigante, também me recordo dos leões e, de uns palhaços espanhóis vestidos de amarelo às riscas pretas que me fizeram rir. Não gosto de palhaços, e até me assustavam um pouco. 





Tuesday, 25 October 2016

Aulas de Aguarela

Hoje, técnicas húmidas com efeitos abstractos. (papel apenas molhado na frente).




25 Novembro

Thursday, 20 October 2016

Aulas de Aguarela

Neste ano lectivo, porque ainda o penso sempre assim, em termos de resoluções, decidi que queria mesmo aprender umas bases de aguarela. Para aplicar nos diários gráficos, na ilustração científica de botânica, e também para pintar ocasionalmente umas paisagens.

As aulas de aguarela acontecem, uma manhã por semana, na Fundação Marquês de Pombal, em Linda-a-Velha, com o Professor Carlos Santos Marques. Sempre atento e pronto a fazer críticas, para podermos corrigir e melhorar.

Hoje, técnicas húmidas ( com papel molhado na frente e verso)


18 Outubro